17 Jun

Rede Cama e Café

 

“Bed and Breakfast” (B&B) é um jeito muito legal de se hospedar, claro, se você tiver espiríto mochileiro. Foi criado na Irlanda, e é muito difundido na Europa, porém o negócio é tão promissor que a cada dia novos locais são adicionados.

Como funciona?

A idéia é se hospedar na casa de um morador local, que lhe oferece, todos os dias, um delicioso café da manhã, incluído na diária. O modelo se encaixa perfeitamente na personalidade do brasileiro, naturalmente cativante e hospitaleiro.

Uma central de reservas estrutura e agencia a rede de residências para hospedagem. Esta central faz a ligação entre hóspede e anfitrião, fornece informações sobre residências e tarifas e cuida da efetuação dos pagamentos.

A escolha da residência pode ser feita pela sua localização, pelas vantagens e facilidades que oferece, ou pelo perfil do anfitrião. Os hóspedes podem, se assim quiserem, preencher um cadastro mais detalhado, com questões que abordam seus hábitos – como, por exemplo, ser fumante, ter ou gostar de animais de estimação, hobbies, profissão que exerce etc. – para que, com os dados em mãos, a central sugira, de acordo com interesses, gostos e expectativas do hóspede, a casa e o anfitrião que lhe pareçam mais interessantes.

Veja os vídeos abaixo para entender melhor:

YouTube Preview Image YouTube Preview Image

O grande diferencial deste tipo de hospedagem é a possibilidade de convívio diário com os habitantes locais, seus hábitos e sua cultura e lógico, o preço.

Encontrar lugares para ficar ficou muito mais fácil com a Internet, especialmente com dois sites, competidores entre si, e que receberam fortes investimentos ultimamente: Wimdu e AirBnB.

Tem até uma versão brasileira, o Cama e Café, veja o vídeo deles abaixo.

YouTube Preview Image

Então, se você também tem um quarto disponível em sua casa, é uma forma interessante de fazer dinheiro e amigos!

Outras referências:

09 Jun

Howto: Como utilizar mais de 4GB de memoria RAM em um sistema de 32bits?

Howto: Como utilizar mais de 4GB de memoria RAM em um Sistema Operacional de 32bits?
================================================================

Este é um problema bastante comum, veja só a situação:

Você configurou seu servidor, tudo perfeito e o mesmo esta funcionando 100%, depois de um tempo percebe que irá precisar colocar mais memória, seja por qual for o motivo (instalou o Tomcat, Jboos… e afins… ), e ao adicionar novos pentes de RAM nota que o Sistema Operacional não reconhece as novas memórias, ou seja, você esta utilizando um S.O de 32bits.

O que fazer? Bem, passei por isso esses dias, e o administração da rede simplesmente disse: “faz outra máquina com S.O de 64 bits”.

Não vou dizer que ele esteja errado, porque pode ser a oportunidade de renovar o S.O e tudo mais, porém é chato ter que configurar tudo novamente, serviços, crons… e etc. Felizmente há uma solução.

Basta instalar o Kernel com suporte para PAE (Physical Address Extension):

Para Linux Debian Squeeze ou Wheeze:

Versões estáveis e testadas:
# aptitude install linux-image-2.6-686-bigmem

Para Debian Sid:
# aptitude install linux-image-686-pae

Para CentOS e RedHat derivados:

# yum install kernel-PAE

Após isso é só dar um Reboot e as novas memórias serão reconhecidas.

Há, também é possível fazer isso em Windows 7, basta instalar este Pach:

Windows 7 32bit 4GB Ram Patch (2.3 MiB)
Instruções: http://www.howorks.com/

01 Jun

Biblioteca Comunidade Joomla – Livros e manuais para aprender a utilizar e desenvolver com Joomla! (espanhol)

É… a cada dia me vejo obrigado a escrever e disseminar alguma coisa de Joomla…

Há muito conteúdo de qualidade em espanhol a respeito do CMS. Recentemente me deparei com um projeto chamado Biblioteca Comunidad Joomla, com diversos livros para aprender a utilizar e desenvolver, como:

  • Guia de início rápido para Joomla! 1.5
  • Manual de usuário para Joomla! 1.5
  • Desenvolvimento básico de temas para Joomla! 1.5

Este último livro (imagem acima) é o lançamento mais atual da biblioteca.

Com mais de 100 páginas é um guia fundamental tanto para novatos como para usuários avançados, veja o que você poderá aprender:

  • Entender a estrutura básica de um tema;
  • Conhecer os arquivos que compõe um tema e quais suas funcionalidades;
  • Poder adicionar novas características e estilos personalizados;
  • Saber a modificar corretamente temas baixados;
  • Saber criar um tema do zero.

Todo o material (inclusive os exemplos) encontram-se no repositorio GitHub, onde é possível colaborar, propondo melhoriass e reportando erros e correções. Há, é tudo de graça.

Link: http://biblioteca.comunidadjoomla.org/

Via: dzign

01 Jun

Cursos – EAD grátis

O Instituto Legislativo Brasileiro (ILB), órgão do Senado Federal, vem disponibilizando, gratuitamente, cursos a distância para  a comunidade legislativa, órgãos conveniados e público em geral.As matrículas para os cursos sem tutoria poderão ser feitas a qualquer momento, no site do Instituto: www.senado.gov.br/ilb.

O ILB oferece vagas nos seguintes cursos, via internet:

SEM TUTORIA (cursos autoinstrucionais)

  • Doutrinas Políticas Contemporâneas: Liberalismo
  • Doutrinas Políticas Contemporâneas: Socialismo
  • Doutrinas Políticas Contemporâneas: Social-Democracia
  • Doutrinas Políticas Contemporâneas: Novas Esquerdas
  • Excelência no atendimento
  • Fundamentos da Integração Regional: O Mercosul
  • Papel do Senado como Estrutura de Poder Político
  • Princípios Constitucionais do Poder Legislativo
  • Processo Legislativo

COM TUTORIA (cursos com orientação de professor-tutor)

  • Gestão Administrativa no Setor Público
  • Licitação e Contratos Administrativos
  • Relações Internacionais: Teoria e História
  • Relações Internacionais:Temas Contemporâneos
  • Direito Eleitoral
  • Fundamentos da Ciência Econômica
  • Novo Acordo Ortográfico – Teoria e Prática

SEMITUTORADOS (cursos com orientação de professor-tutor em fórum)

  • Introdução ao Orçamento Público
  • Introdução à Tutoria em Educação a Distância

Maiores informações:

(61) 3303-1684
ilbead@senado.gov.br

17 May

Crie facilmente suas próprias tirinhas com Strip Generator

Creio que todos devem conhecer as famosas tirinhas que circulam por ai (http://tirinhas.net/, http://www.foreveraloneblog.net/, http://vidadeprogramador.com.br/category/tirinhas/ e outras). Agora, já pensou em você mesmo produzir suas tirinhas? Não importa o assunto, com Strip Generator você poderá criar facilmente suas histórias.

Strip Generator é uma ferramenta online de desenho, que possibilita que qualquer um possa criar suas tirinhas. Possue uma interface organizada por elementos em abas que podem ser arrastados, criando as ações da história.

Para começar a desenvolver sua tirinha, simplesmente escolha a forma de distribuir, a quantidade de quadros, arraste os personagens e objetos para depois personalizá-los. Por último é só escolher os balões de diálogo.

Agora, é só ter uma boa imaginação e criar…

Link: http://stripgenerator.com/

12 Apr

Schema Sync: Sincronização de esquemas entre Banco de Dados MySQL

Schema Sync é uma interessante ferramenta que pode te ajudar muito, por exemplo, considere o seguinte caso:

  • Estamos trabalhando em dois ambientes distintos, um de desenvolvimento e outro de produção. No ambiente de desenvolvimento realizamos várias modificações no esquema de Banco de Dados, até chegar o momento de precisarmos aplicar tais modificações no Banco de produção. Se não tivermos feito uma lista de cada alteração (não considerando ferramentas que armazenam logs das transações) ai teremos um grande problema.

Justamente ai que entra o Schema Sync, que basicamente faz a comparação das Bases de Dados (desenvolvimento e produção) e gera um script.sql com as mudanças para que você possa aplicar no ambiente de produção, além disso também gera um script para reverter as mudanças caso tenha feito algo errado.

Muito útil…

06 Apr

Livro: Aprenda a desenvolver temas WordPress

Características do Livro

  • Formato: (Médio) 17x24cm
  • Número de páginas: 160
  • Fonte Padrão: Arial 11pt Espaçamento Simples
  • Alinhamento: Justificado
  • Margens: 2cm
  • Formato do arquivo: PDF
  • 9 capítulos
  • 161 páginas
  • 1 Tema WordPress
  • Guia de funções

O WordPress destaca-se como o mais popular entre os sistemas gerenciadores por possuir uma forte comunidade colaborativa, interface amigável, elevado número de funcionalidades e diversas razões mais.

Tamanha popularidade agrava o problema da personalização dos trabalhos, onde muitos possuem o sistema e compartilham dos mesmos recursos e elementos visuais a serem exibidos aos visitantes.

Este livro trata fundamentalmente de torná-lo capaz de desenvolver suas próprias soluções para exposição de conteúdos mostrando um modo inteligente de integrar o desenvolvimento web padrão ao sistema do WordPress de modo a aproveitar bem os seus recursos.

Opções de Download:

Via: guiawp
Valeu @
eulenmesquita pela dica!

31 Mar

FlipBook CMS

FlioBook CMS é uma ótima alternativa quando se quer publicar todo tipo de conteúdo no formato de Books Interativos (aqueles que simulam uma revista, passando as páginas), com uma gestão super simples e rápida, sem falar em sua estabilidade.

Pode-se ser utilizado de forma totalmente gratuita, e conta com uma grande quantidade de opções de configurações e extensa lista de  ferramentas de personalização. Sem dúvida um CMS focado em um nicho específico que cumpre com qualidade o seu propósito.

Site: http://www.flashextended.com/

Demo: http://www.flashextended.com/preview/flip_book_cms/

23 Mar

Howto: Como usar o Delicious no Firefox 4

Já estou usando o Firefox 4 como navegador principal, sem dúvida esta versão é muito mais estável e rápida e as mudanças na interface do usuário melhoraram muito. Não tive muitos problemas com compatibilidade com extensões,  mas a extensão bookmarking delicious não quis funcionar nem a pau, e como faço uso da mesma diariamente ficar sem iria causar alguns problemas.

Ainda não há uma versão oficialmente lançada dessa extensão para o Firefox 4, porém existe um truque que é possível fazer e ter novamente funcionando o Delicious Social Bookmarking.

Para os passos a seguir, suponho que você tenha atualizado seu FF 3.6 para o FF 4.0 e que já tinha instalado a extensão delicious na versão antiga. Se não, você pode fazer o download da extensão e instalar para depois seguir a dica abaixo:

  1. Vá até o menu Ajuda > Dados para Suporte
  2. Na aba que se abre, clique no botão Abrir Pasta, da linha chamada Pasta do perfil. Com isso será aberto o gerenciador de arquivos do diretamente na pasta de perfil do usuário.
  3. Na janela que se abriu, abra a pasta extensions.  Dentro dessa pasta abra outra chamada “{2fa4ed95-0317-4c6a-a74c-5f3e3912c1f9}”.  Nesta pasta há um arquivo chamado install.rdf
  4. Edite este arquivo com um editor simples (bloco de notas).
  5. Vá até a linha 8, e você irá ver assim: em:maxVersion="4.0b3pre" />
  6. Altere essa linha, para ficar dessa forma: em:maxVersion="4.0" /> (veja que só foi removido o b3pre)
  7. Salve o arquivo e reinicie o Firefox.
  8. Com isso a extensão Delicious volta a funcionar normalmente.